MEGA 94


A editora Agir acaba de publicar no Brasil a tradução de “Minha Amy: a vida que partilhamos”, livro escrito pelo amigo íntimo de Amy Winehouse, Tyler James.

Nesta narrativa, ele faz um profundo relato de sua relação com a artista, morta há 10 anos vítima de um envenenamento acidental.

Com fotografias e sensibilidade, ele descreve como conheceu a musa em clubes de jazz obscuros, na noite londrina, e assistiu de perto, anos mais tarde, seu massacre sob os olhos da indústria musical, da bebida e da família, permeados por surtos de bulimia e automutilação.

O livro, com 352 páginas, já está disponível para compra nos formatos físico e Kindle.

Homenagens
A cantora, que faleceu em julho de 2011, será homenageada com novos documentários. “Amy Winehouse & Me: Dionne’s Story”, já disponível, teve como premissa contar a história da artista a partir da perspectiva da afilhada, que se chama Dionne Bromfield e também trabalha com música.

No roteiro, serão apresentadas imagens de arquivo inéditas, explorando a relação das duas em uma espécie de homenagem. “Não consigo expressar o quão terapêutica essa jornada tem sido para mim”, disse Dionne em comunicado enviado à imprensa internacional.

Há também outro filme, desta vez focado em relatos da mãe, em produção pela BBC. A produção batizada como “Reclaiming Amy” está em exibição na BBC.




Fonte: Postado em: 04-08-2021


A editora Agir acaba de publicar no Brasil a tradução de “Minha Amy: a vida que partilhamos”, livro escrito pelo amigo íntimo de Amy Winehouse, Tyler James.

Nesta narrativa, ele faz um profundo relato de sua relação com a artista, morta há 10 anos vítima de um envenenamento acidental.

Com fotografias e sensibilidade, ele descreve como conheceu a musa em clubes de jazz obscuros, na noite londrina, e assistiu de perto, anos mais tarde, seu massacre sob os olhos da indústria musical, da bebida e da família, permeados por surtos de bulimia e automutilação.

O livro, com 352 páginas, já está disponível para compra nos formatos físico e Kindle.

Homenagens
A cantora, que faleceu em julho de 2011, será homenageada com novos documentários. “Amy Winehouse & Me: Dionne’s Story”, já disponível, teve como premissa contar a história da artista a partir da perspectiva da afilhada, que se chama Dionne Bromfield e também trabalha com música.

No roteiro, serão apresentadas imagens de arquivo inéditas, explorando a relação das duas em uma espécie de homenagem. “Não consigo expressar o quão terapêutica essa jornada tem sido para mim”, disse Dionne em comunicado enviado à imprensa internacional.

Há também outro filme, desta vez focado em relatos da mãe, em produção pela BBC. A produção batizada como “Reclaiming Amy” está em exibição na BBC.




Fonte: Postado em: 04-08-2021
MEGA POINT
Av. Afonso Pena 5154
Campo Grande MS
Whatsapp - 99143-9494

3042-9494
Mega94 (c)- Todos os direitos reservados.