MEGA 94


Foto: divulgação

O Ministério Público da Espanha pediu 8 anos e 2 meses de prisão para Shakira, acusada por fraude fiscal de mais de 14 milhões de euros entre os anos 2012 e 2014. A decisão vem depois da cantora negar um acordo com o órgão para ir a julgamento. Os representantes dela alegam “inocência”.

De acordo com a imprensa espanhola, a promotoria espanhola exigiu cerca de 14,5 milhões de euros quando encontraram provas de que, em 2012, Shakira já residia na Espanha. Ela se mudou após engatar um romance com o futebolista Gerard Piqué. Hoje eles estão separados.

A cantora supostamente escondia sua renda através de um esquema baseado em paraísos fiscais para não pagar impostos no país e chegou a pagar o valor correspondente e mais 3 milhões em juros. Porém, isso não impediu o Ministério Público de acusá-la por suposta fraude fiscal entre 2012 e 2014.

Tudo começou em 2017, quando uma investigação do Consórcio Internacional de Jornalistas Investigativos (ICIJ) revelou que Shakira vivia na Espanha, mas aparentemente domiciliada em um paraíso fiscal das Bahamas.

Na última quarta-feira (27), Shakira não aceitou um acordo oferecido pelo Ministério Público que evitaria que ela fosse julgada por quatro supostos crimes contra as autoridades fiscais. Ela decidiu ir a julgamento, por estar “plenamente confiante” em relação a sua inocência. Nesse sentido, o órgão pediu sua prisão, além de uma multa de 23 milhões de euros.

Em um comunicado, a cantora disse que escolheu “deixar o assunto nas mãos da lei, com a paz de espírito e confiança de que a justiça dará razão a ela”. Para a cantora, o caso “representa uma violação total” de seus direitos, já que ela sempre teve “uma conduta impecável, como pessoa e como contribuinte, e uma total disposição para resolver quaisquer diferenças desde o início, mesmo antes do processo penal”.

Ademais, Shakira disse que “nunca”, em nenhum outro país, ela encontrou “uma perseguição tão pouco razoável e feroz”“nem um uso tão óbvio da mídia e da pressão da reputação como mecanismo de arrecadatório”.

Até o fechamento desta publicação, nem ela, nem seus representantes, se manifestaram sobre o pedido de prisão e multa feitos pelo Ministério Público espanhol.




Fonte: por Carolina Stramasso https://portalpopline.com.br/mp-prisao-shakira/ Postado em: 29-07-2022


O Ministério Público da Espanha pediu 8 anos e 2 meses de prisão para Shakira, acusada por fraude fiscal de mais de 14 milhões de euros entre os anos 2012 e 2014. A decisão vem depois da cantora negar um acordo com o órgão para ir a julgamento. Os representantes dela alegam “inocência”.

De acordo com a imprensa espanhola, a promotoria espanhola exigiu cerca de 14,5 milhões de euros quando encontraram provas de que, em 2012, Shakira já residia na Espanha. Ela se mudou após engatar um romance com o futebolista Gerard Piqué. Hoje eles estão separados.

A cantora supostamente escondia sua renda através de um esquema baseado em paraísos fiscais para não pagar impostos no país e chegou a pagar o valor correspondente e mais 3 milhões em juros. Porém, isso não impediu o Ministério Público de acusá-la por suposta fraude fiscal entre 2012 e 2014.

Tudo começou em 2017, quando uma investigação do Consórcio Internacional de Jornalistas Investigativos (ICIJ) revelou que Shakira vivia na Espanha, mas aparentemente domiciliada em um paraíso fiscal das Bahamas.

Na última quarta-feira (27), Shakira não aceitou um acordo oferecido pelo Ministério Público que evitaria que ela fosse julgada por quatro supostos crimes contra as autoridades fiscais. Ela decidiu ir a julgamento, por estar “plenamente confiante” em relação a sua inocência. Nesse sentido, o órgão pediu sua prisão, além de uma multa de 23 milhões de euros.

Em um comunicado, a cantora disse que escolheu “deixar o assunto nas mãos da lei, com a paz de espírito e confiança de que a justiça dará razão a ela”. Para a cantora, o caso “representa uma violação total” de seus direitos, já que ela sempre teve “uma conduta impecável, como pessoa e como contribuinte, e uma total disposição para resolver quaisquer diferenças desde o início, mesmo antes do processo penal”.

Ademais, Shakira disse que “nunca”, em nenhum outro país, ela encontrou “uma perseguição tão pouco razoável e feroz”“nem um uso tão óbvio da mídia e da pressão da reputação como mecanismo de arrecadatório”.

Até o fechamento desta publicação, nem ela, nem seus representantes, se manifestaram sobre o pedido de prisão e multa feitos pelo Ministério Público espanhol.




Fonte: por Carolina Stramasso https://portalpopline.com.br/mp-prisao-shakira/ Postado em: 29-07-2022
MEGA POINT
Av. Afonso Pena 5154
Campo Grande MS
Whatsapp - 99143-9494

3042-9494
Mega94 (c)- Todos os direitos reservados.